Prêmio seleciona escritores amadores que poderão ter obras publicadas em 2021

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin

O projeto é uma parceria entre o Salão Carioca do Livro e a Funarj.

Escritores amadores podem ter seus contos lançados em um festival em 2021. O Prêmio Rio de Contos vai selecionar 20 autores que querem entrar no mercado literário para participar de cursos e ter uma obra publicada.

O projeto é uma parceria entre o Salão Carioca do Livro, o LER, responsável pelo Festival do Leitor, que acontece anualmente, e a Fundação Anita Mantuano de Artes do Estado, a Funarj.

O prêmio foi idealizado pela escritora Bárbara Caldas. Ela diz que muitos estudantes, jovens e adultos, têm o sonho de se tornar escritores, mas não têm apoio.

Um livro com os contos dos vinte autores selecionados vai ser lançado pelo selo da Mater Produções, empresa de Bárbara, no Festival do Leitor, em junho do ano que vem. Pelo menos mil exemplares vão ser produzidos e distribuídos de forma gratuita em bibliotecas públicas.

Os vencedores também vão participar de aulas de português, criação literária e literatura e vão receber mentorias individuais com profissionais da área. Os cursos vão acontecer entre janeiro e abril, pela internet.

Para Bárbara, o prêmio é uma oportunidade no mundo literário para escritores de diversas idades.

As inscrições iniciaram no dia 5 de novembro, no site do Salão Carioca do Livro. O projeto foi lançado em um evento cultural do LER, com a participação do cantor Gabriel O Pensador. O evento foi transmitido pelos canais do salão e da Funarj no Youtube.

As inscrições para o prêmio podem ser feitas por meio deste link.